Como duas imagens se reconhecem?

A aparência junta pares, mas não se trata de superfície, e sim de corpos. Corpo que é pele e entranhas, que é o colar de ouro, o corpo ornado em ouro e a própria luminosidade corporal.

Um corpo que se orna é um corpo que marca um lugar. Pela aproximação das marcas, as imagens se encontram e nos guiam para participarmos dessa conversa.

Reconhecemos os lugares marcados pelo ornamento mesmo quando eles supostamente se esvaziam, quando os seres que habitam o lugar saem de cena e permanece o ornamento, bem como sua luminosidade.

.

112v

Beatus de Facundus, f. 112v

116v

Beatus de Facundus, f. 116v

141v

Beatus de Facundus, f. 141v

162v

Beatus de Facundus, f. 162v

173

Beatus de Facundus, f. 173

182v

Beatus de Facundus, f. 182v

187

Beatus de Facundus, f. 187

254

Beatus de Facundus, f. 254

262

Beatus de Facundus, f. 262

176v

Beatus de Facundus, f. 176v

 

O ornamento marca lugares, cria aproximações e distanciamentos entre objetos, imagens, ideias. Essas tensões podem ser representadas por um sistema, um modo de agrupar elementos solidários através de suas relações, isto é, o sistema é uma apresentação de rede de conexões.

No estudo do Beatus de Facundus, apresentamos esse sistema da seguinte maneira:

Final 01

.

Sem grandes explicações, por ora, este é um espaço de anotações, uma grande nota de rodapé.

.

não cante lamúrias, meu bem,
a semente germinará
ou fará forte a terra

.

.

.

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s