NPT S01E13 – Modernismos Brasileiros e o Passado que Não Passa, com Hugo Merlo

E aí, gente perdida?! Neste episódio você escuta o historiador Hugo Merlo, que nos fala sobre ideias de moderno, modernização, modernidade, vanguardas e sobre a tese de Paulo Prado, objeto de estudo de sua dissertação e livro “Alerta de Tempestade: Romantismo e Modernismo no Retrato do Brasil”, com comentário de Fabiana Pedroni.

 

 

Se você chegou até aqui, não entendeu nada e quer se perder mais, segue a gente no Twitter:

@naopodtocar

@rodrigooupeter

@alanadeof

@meninotorto

@Sunomoma

acesse www.notamanuscrita.com

assine nosso Feed | RSS

no Spotify

por E-mail

ouça no Youtube

avalie a gente no iTunes

e mande e-mail pra dizer qualquer coisa: naopodtocar@gmail.com

Como Mandar Áudio para o Não Pod Tocar (vídeo)

 

– Hugo no Twitter

– Livro “Alerta de Tempestade

Conto de Lima Barreto, “Um e Outro

 

Recomendados:

Benzina no Meião

Café Seletor

Poranduba #10: O Saci de Lobato

Mundo Sombrio de Sabrina

– FARIA, Daniel Barbosa Andrade de. O mito modernista. 2004. 288 f. Tese (Doutorado em História) – Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP. 2004.

– PRADO, Antônio Arnoni. Itinerário de uma falsa vanguarda: os dissidentes, a Semana de 22 e o Integralismo. São Paulo: 34, 2010.

– HOLANDA, Sérgio Buarque de. Raízes do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

– FREYRE, Gilberto. Casa-Grande e Senzala: Formação da Família Brasileira Sob O Regime da Economia Patriarcal. São Paulo: Global, 1993.

– PRADO JÚNIOR, Caio. Formação do Brasil Contemporâneo: colônia. 12. ed. São Paulo: Brasiliense, 1972.

– WISNIK, José Miguel. Veneno remédio: o futebol e o Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

MONTEIRO, Pedro Meira. Signo e desterro: Sérgio Buarque de Holanda e a imaginação do Brasil. São Paulo: Hucitec, 2015.

– Artigo, “Cultura, Civilização e Mal-estar: as possibilidades spenglerianas de Macunaíma e do Retrato do Brasil”.

– Artigo, “Comunicação Gráfica Futurista e Seus Reflexos no Brasil”, de Vanessa Beatriz Bortulucce.

Músicas:

– Seu Doutor, Francisco Alves e Eduardo Souto

– Virou Bola, de Breno Ferreira

– Alegrias de caboclo, de Francisco Alves

– Desfile aos heróis do Brasil, de Heitor Villa-Lobos

– Atraente, de Chiquinha Gonzaga

– Não Tem Tradução, Francisco Alves

– Filosofia – Noel Rosa e André Filho (Mário Reis, Pixinguinha e Orquestra)

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s